Sobrou macarrão? Aproveite em deliciosas receitas

Existe uma campanha internacional contra o despedício de alimentos “Love Food, Hate Waste” (tradução: “ame a comida, deteste o desperdício”) e nós apoiamos a iniciativa! O Waste & Resources Action Programme (WRAP) descobriu que pessoas que planejam, criam listas de compras e monitoram os alimentos que têm disponíveis na despensa, desperdiçam menos comida do que os “compradores espontâneos”. E uma das ações da organização é incentivar as pessoas a tirar proveito das sobras de alimentos em novas receitas.

Dentro desta abordagem, abaixo sugerimos abaixo a omelete (frittata di pasta) e o suflê. Ambas aproveitam a sobra da massa que ficou na panela ou na travessa. Mãos à obra e buon appetito!

Omelete de macarrão

Omelete de macarrão leva ovos e queijo.
Omelete de macarrão leva ovos e queijo.

 

 

Ingredientes: 400 gr Pasta (ou sobras de massa – normalmente sobra massa de tomate)

4 ovos 40 gr Parmiggiano/parmesão (ralado)

100 gr mussarela (cortado em cubos)

10 gr Salsa (picada)

50ml Azeite Sal e pimenta (a gosto)

 

Em uma tigela, misture os ovos e o parmesão com uma pitada de sal e pimenta. Adicione o macarrão (ou sobras de macarrão) , salsa e mussarela nos ovos batidos até ficar bem misturado. Aqueça um pouco de óleo em uma frigideira e adicione a mistura de macarrão com ovos e cozinhe por 9 minutos de cada lado em fogo médio. Coloque sobre um prato e polvilhe o parmesão e salpique a salsa picada por cima.

Suflê de macarrão

Suflê de macarrão com queijo rende 10 porções.
Suflê de macarrão com queijo rende 10 porções.

 

 

(receita da Abima)

3 xícaras (chá) de sobras de macarrão cozido

500ml de leite frio

1 colher (sopa) de cebola cortada em cubinhos

1 envelope de caldo de legumes em pó

4 gemas 100ml de óleo

¾ de xícara de chá de farinha de trigo

1 colher de sopa de fermento em pó

50g de queijo tipo parmesão

50g de queijo tipo provolone (opcional)

½ xícara (chá) de cheiro verde fresco cortado

Sal e pimenta do reino a gosto

4 claras batidas em neve

Recheio

1 colher (sopa) de queijo tipo gorgonzola ralado grosso

100g de queijo tipo suíço ou prato, ralado ou em cubinhos

4 colheres (sopa) de requeijão firme

Noz moscada e pimenta-do-reino a gosto

Cobertura 50g de queijo tipo parmesão ralado

2 colheres (sopa) de farinha de rosca

Para assar 10 formas pequenas untadas com manteiga e polvilhadas com farinha de rosca

Recheio Misture os queijos com o requeijão, tempere com noz moscada e pimenta-do-reino a gosto. Reserve Massa Bata no liquidificador o macarrão, o leite, a cebola, o caldo de legumes e as gemas. Em uma tigela, misture o óleo, a farinha de trigo com o fermento, os queijos e o cheiro verde. Tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Por último, misture delicadamente as claras em neve Coloque uma porção de massa na forma, espalhe o recheio e cubra com mais uma porção de massa. Coloque a cobertura e leve para assar em forno médio até dourar Rendimento: 10 porções

Os princípios que movem o Dia Mundial do Macarrão

25 de outubro  Dia Mundial do Macarrão
25 de outubro
Dia Mundial do Macarrão

Desde 1995 vários países comemoram o “World Pasta Day” ou Dia Mundial do Macarrão. A data foi definida durante o 1º Congresso Mundial de Pasta, em Roma. Abaixo, os princípios da iniciativa que foram desenvolvidos pela associação dos membros da UN.AFPA (Associação Nacional de Pasta – Estados Unidos) com apoio das Associações da Venezuela e da Turquia:

— No dia 25 de outubro de cada ano, o Dia Mundial do Macarrão é comemorado na forma de eventos e iniciativas promocionais em diferentes países do mundo.

— O objetivo do Dia Mundial do Macarrão é chamar a atenção da mídia e os consumidores e destacar que o macarrão é um alimento global, consumido em todos os cinco continentes, com méritos inquestionáveis​​, apropriado para um estilo de vida dinâmico e saudável, capaz de atender tanto as necessidades alimentares primários e os de gastronomia de alto nível.

— Cada país comemora o Dia Mundial do Macarrão em absoluta autonomia, respeitando uma estratégia global, fazendo uso do logotipo oficial do evento;

— A principal mensagens é enfatizar a viabilidade econômica, a versatilidade gastronômica e valor nutricional do macarrão.

 

 

 

Macarrão com feijão é tradicional na Itália

Tem gente que acha que é invenção de brasileiro. Mas o “feijão com macarrão” é uma das receitas mais tradicionais da Itália e tem várias versões.

O consumo do prato é popular em todo o país, mas apesar de ter nascido nas tabernas antigas de Roma, sabe-se que Veneto e Toscana são o duas regiões consideradas hoje o berço do prato de Pasta e Fagioli.

Na região de Veneto era tradição rural para preparar o feijão com pasta no início do outono. Trata-se de uma comida associada aos camponeses porque é nesta época em que o porco é abatido. Ou seja, o bacon e o feijão são os ingredientes que são produzidos ali mesmo… no próprio quintal.

Prepare 1/2 litro caldo de carne ou de legumes e reserve. Pique 1 cebola, 1 cenoura e 1 talo de aipo (salsão) e 1 dente de alho (1) coloque para refogar em 2 colheres de sopa de óleo(2). Acrescente  uma xícara de molho de tomate (3);
Prepare 1/2 litro caldo de carne ou de legumes e reserve. Pique 1 cebola, 1 cenoura e 1 talo de aipo (salsão) e 1 dente de alho (1) coloque para refogar em 2 colheres de sopa de óleo(2). Acrescente uma xícara de molho de tomate (3);

 

deixe ferver  e acrescente  1 concha de caldo de carne ou legumes e deixe reduzir e reserve (4). Pique pedacinhos de bacon e frite em panela antiaderente, em seguida, adicione o feijão cozido e mais duas conchas de caldo e deixe ferver por alguns minutos para que o feijão absorva o caldo (5). Neste ponto, adicionar os grãos com o bacon frito no sofrito (legumes picados e molho de tomates reservados) e cozinhe em conjunto durante alguns minutos (6).
deixe ferver e acrescente 1 concha de caldo de carne ou legumes e deixe reduzir e reserve (4).
Pique pedacinhos de bacon e frite em panela antiaderente, em seguida, adicione o feijão cozido e mais duas conchas de caldo e deixe ferver por alguns minutos para que o feijão absorva o caldo (5). Neste ponto, adicionar os grãos com o bacon frito no sofrito (legumes picados e molho de tomates reservados) e cozinhe em conjunto durante alguns minutos (6).

 

Coloque para ferver o macarrão de sua escolha (pode ser massa curta ou longa) em água salgada (7) depois de cozida, junte com o feijão que você preparou (8). Finalize comum pouco mais de azeite e pimenta preta moída. Sirva quente.
Coloque para ferver o macarrão de sua escolha (pode ser massa curta ou longa) em água salgada (7) depois de cozida, junte com o feijão que você preparou (8). Finalize comum pouco mais de azeite e pimenta preta moída. Sirva quente.

Fonte: http://ricette.giallozafferano.it/

Hoje é o Dia Mundial do Macarrão!

Desde 1995 vários países comemoram o “World Pasta Day” ou Dia Mundial do Macarrão. A data foi definida durante o 1º Congresso Mundial de Pasta, em Roma.

No Brasil temos motivos para comemorar: somos verdadeiros adoradores de pasta. Segundo dados da Abima (Associação Brasileira das Indústrias de Massas Alimentícias), estamos em terceiro no ranking mundial de produção de massas e 18º lugar no consumo anual (6 kg por pessoa).

Há controvérsias sobre qual país inventou o macarrão. Alguns dizem que o macarrão nasceu na China e que sua receita foi trazida para a Itália pelo navegador Marco Polo. Os italianos contestam. Afirmam que o macarrão foi criado em Roma. De qualquer forma, é incontestável que o país da bota é o responsavel pela difusão e popularização do macarrão em todo o mundo.

 

25 de outubro: Dia Mundial do Macarrão

Em São Paulo tem até um museu dedicado à massa. O Museu do Macarrão, situado na Zona Norte da capital paulistana, é uma iniciativa é do italiano Enrico Vezzani que chegou no Brasil em 1973 para tocar a fábrica de equipamentos da família. O museu foi criado aos poucos. Vezzni foi comprando máquinas antigas e arrecadando documentos com objetivo de contar a história do macarrão e da imigração italiana no Brasil.

Se você estiver em Sampa, dê uma passadinha por lá.

Museu do Macarrão
Rua Francisco Rodrigues Nunes, 131, Limão. Tel.: 3931-7993.
Segunda a sexta, 9h/18h; sábado, 9h/14h. Grátis.

 

Macarrão é matéria-prima em concurso de pontes

Você já tinha imaginado usar macarrão para construir pontes?

Ponte de macarrão foi projeto desafiador para alunos

Alunos da graduação de engenharia civil da UFSCar (Universidade Federal de São Carlos) realizaram em 13 de setembro o primeiro concurso de pontes de macarrão.

O desafio proposto foi a construção de ponte de até 1,10 cm de comprimento, 50 cm de altura e 20 cm de largura, utilizando apenas macarrão, fio dental, e cola quente, além de tubos de pvc para apoiá-la.

Alunos de Engenharia Civil constróem pontes de macarrão em concurso

Quinze grupos de 5 alunos se inscreveram para o evento com objetivo de concorrer em duas categorias: ponte mais parecida com o projeto desenvolvido em desenho e ponte de macarrão mais resistente ao peso colocado sobre ela. Bacana, né?

Fonte: UOL Educação

25 de outubro: Dia Mundial do Macarrão

macarrãoO macarrão está associado família ou amigos reunidos em volta da mesa. É por isso que ele é um paixão popular a ponto de ganhar, há 14 anos, uma data exclusiva para ser festejado.

O dia 25 de outubro foi escolhido por ser o dia da realização do 1º Congresso Mundial de Pasta, em Roma, em 1995. Atualmente, o Dia Mundial do Macarrão é comemorada nos EUA, México, Turquia, Itália, Alemanha, Venezuela e Brasil.

Segundo dados da Abima (Associação Brasileira de Indústrias de Massa Alimentícia), A indústria brasileira produz 1,3 milhão de toneladas/ano, ficando atrás apenas da Itália e dos Estados Unidos que produzem 3 milhões de toneladas e 2 milhões de toneladas, respectivamente. O setor, que no Brasil gera 25 mil empregos diretos, registrou em 2008 um faturamento de R$ 5 bilhões, o que representa um crescimento de 10% em relação ao ano
anterior. O consumo de macarrão no Brasil é de 6,6 kg por pessoa, a cada ano.

Venha comemorar o Dia Mundial do Macarrão no Divina Itália Praia.