Macarrão com feijão é tradicional na Itália

Tem gente que acha que é invenção de brasileiro. Mas o “feijão com macarrão” é uma das receitas mais tradicionais da Itália e tem várias versões.

O consumo do prato é popular em todo o país, mas apesar de ter nascido nas tabernas antigas de Roma, sabe-se que Veneto e Toscana são o duas regiões consideradas hoje o berço do prato de Pasta e Fagioli.

Na região de Veneto era tradição rural para preparar o feijão com pasta no início do outono. Trata-se de uma comida associada aos camponeses porque é nesta época em que o porco é abatido. Ou seja, o bacon e o feijão são os ingredientes que são produzidos ali mesmo… no próprio quintal.

Prepare 1/2 litro caldo de carne ou de legumes e reserve. Pique 1 cebola, 1 cenoura e 1 talo de aipo (salsão) e 1 dente de alho (1) coloque para refogar em 2 colheres de sopa de óleo(2). Acrescente  uma xícara de molho de tomate (3);
Prepare 1/2 litro caldo de carne ou de legumes e reserve. Pique 1 cebola, 1 cenoura e 1 talo de aipo (salsão) e 1 dente de alho (1) coloque para refogar em 2 colheres de sopa de óleo(2). Acrescente uma xícara de molho de tomate (3);

 

deixe ferver  e acrescente  1 concha de caldo de carne ou legumes e deixe reduzir e reserve (4). Pique pedacinhos de bacon e frite em panela antiaderente, em seguida, adicione o feijão cozido e mais duas conchas de caldo e deixe ferver por alguns minutos para que o feijão absorva o caldo (5). Neste ponto, adicionar os grãos com o bacon frito no sofrito (legumes picados e molho de tomates reservados) e cozinhe em conjunto durante alguns minutos (6).
deixe ferver e acrescente 1 concha de caldo de carne ou legumes e deixe reduzir e reserve (4).
Pique pedacinhos de bacon e frite em panela antiaderente, em seguida, adicione o feijão cozido e mais duas conchas de caldo e deixe ferver por alguns minutos para que o feijão absorva o caldo (5). Neste ponto, adicionar os grãos com o bacon frito no sofrito (legumes picados e molho de tomates reservados) e cozinhe em conjunto durante alguns minutos (6).

 

Coloque para ferver o macarrão de sua escolha (pode ser massa curta ou longa) em água salgada (7) depois de cozida, junte com o feijão que você preparou (8). Finalize comum pouco mais de azeite e pimenta preta moída. Sirva quente.
Coloque para ferver o macarrão de sua escolha (pode ser massa curta ou longa) em água salgada (7) depois de cozida, junte com o feijão que você preparou (8). Finalize comum pouco mais de azeite e pimenta preta moída. Sirva quente.

Fonte: http://ricette.giallozafferano.it/

Pasta com camarão e abobrinha ganha prêmio em SP

Finalistas e organizadores do 1º Pasta Gourmet

O 1º Pasta Gourmet Contest Delverde premiou Carlo Peccenini pela criação do tagliatelle de camarão e abobrinha, servido com filé de porco recheado e tomates grelhados (veja receita abaixo).

No evento que escolheu o chef Peccenini, os chefs cozinharam sob  as vistas do público presente com prazo cronometrado (1h30). Os finalistas foram julgados pela apresentação, criatividade e sabor.

O evento foi uma iniciativa conjunta da marca Delverde, do restaurante Friccó e da Associação Brasileira de Alta Gastronomia (Abaga).

O chef vencedor ganhou uma viagem para a região italiana de Abruzzo.

Vencedor foi Carlo Peccenini.

Tagliatelle de camarão e abobrinha
6 porções

500 g de tagliatelle
400 g de camarão limpo
4 abobrinhas italianas
10 folhas de manjericão
6 folhas de hortelã
3 dentes de alho
50 g de amêndoas laminadas torradas
Azeite de oliva; sal e pimenta-do-reino

1 Corte as abobrinhas em fatias de 2 a 3 milímetros de espessura. Passe na frigideira para grelhar e, em seguida, corte-as em tiras. Reserve.
2 Limpe  os camarões e grelhe-os por 5 minutos.
3 Enquanto isso, cozinhe a massa em água fervente e salgada.
4 Coloque todos os ingredientes em uma frigideira com o alho, sal pimenta-do-reino e um pouco de azeite. Junte a massa e misture bem.
5 Retire do fogo e salpique as amêndoas por cima do macarrão.

Filé de porco recheado
1, 4 kg de filé de porco
1 talo de salsão
50 g de azeitonas verdes sem caroço
100 g de tomates secos
100 g de pão ralado
2 colheres(sopa) de manjericão e alecrim picado
Azeite de oliva; sal e pimenta-do-reino

1 Limpe o salsão e pique-os junto com os tomates secos e as azeitonas.
2 Coloque em uma tigela e junte o pão ralado, as ervas aromáticas, sal e a pimenta.
3 Misture com azeite até obter um empasto úmido, mas em migalhas.
4 Corte o filé ao meio (sem separar as partes) e recheie com a mistura. Feche bem, se precisar, amarre com barbante. Sele a carne na frigideira com um pouco de azeite.
5 Em seguida, leve ao forno por 20 minutos coberto com papel alumínio. Ao retirar do forno, deixe a carne descansar coberta papel alumínio por 15 minutos. Só depois corte em fatias de 2 centímetros e sirva.

Tomates grelhados
6 tomates Débora
Orégano, azeite de oliva, sal e pimenta-do-reino

1 Corte os tomates no sentido do comprimento, coloque sal e deixe-os virados para baixo para que a água escorra.
2 Em uma tigela, faça uma emulsão de azeite, orégano, pimenta-do-reino e sal. Pincele a mistura sobre os tomates.
3 Grelhe por 10 minutos de cada lado. Retire a pele que se soltar e pincele o tempero novamente.

Comida também é atração no Carnaval de Veneza

Muitos países ao redor do mundo têm Carnaval. No Brasil, as festas mais populares incluem o desfile de escolas de Samba do Rio de Janeiro de São Paulo e os blocos de arrasto nas ruas de Recife e de Olinda. Nos EUA, o mais comentado é o “Mardi Gras” em New Orleans. Na Itália, tem o tradicional Carnaval de Veneza com desfile de mascarados por toda a cidade.

Em vários países,  a terça de Carnaval é conhecida como “Fat Tuesday ‘ ou’ Terça-Feira Gorda. O nome vem da ideia de aproveitar a comida antes da Quaresma.

Na Itália, há uma iguaria que está associada ao Carnaval: o “frittele di Carnavali”. O prato visualmente lembra o nosso “bolinho de chuva”, mas é mais substancioso e pode ser encontrado em qualquer café e confeitaria em Veneza. Abaixo, a receita para você aproveitar o feriado e fazer um lanchinho em casa.

Frittelle por Ettore C - Flickr
Fritelle di Carnavali - ícone do Carnaval em Veneza, na Itália

Ingredientes:

25 gr. de levedura (fermento biológico)
625 gr. farinha de trigo
375 ml. de leite integral
2 ovos
150 g de passas embebidas em rum
50 gr. de pignoli
100 gr. de laranja cristalizada picada
sal
casca de limão ralada
essência de baunilha
125 gr. Açúcar
120 gr. manteiga amolecida

Misture os ovos e o açúcar junto com o fermento dissolvido em um pouco de leite quente e manteiga. Adicione a farinha e o restante do leite até formar uma massa grossa. Acrescente as passas, o pignoli, a laranja cristalizada, uma pitada de sal, a casca de limão e essência de baunilha e amasse bem. Coloque-o em um lugar quente para fermentar.

Quando a massa crescer, amasse novamente e deixe descansar. Quando aumentar de tamanho é hora de fazer bolinhos  para fritar em óleo quente.  Deixe dourar e coloque para escorrer em papel absorvente. Para finalizar, pulverize com açúcar.